Nível Superior para o ingresso à graduação de Sargento, solução ou problema?



O blog esteve hoje (16/01) no Comando Geral da PMMA. Por lá encontramos velhas figuras das lutas classistas dos militares.

Em conversas podemos especular um pouco sobre as propostas da Comissão de promoção. Na nossa página do facebook, fizemos ontem(15/01) alguns questionamentos sobre a comissão e o que está sendo discutido. Parece que os reclames deram certo. Ouvimos da boca de alguns que participaram da última reunião. E a minha pergunta girou em torno do nível superior para sargento PM/BM.

Entre debate e discussões com eles, fiz alguns questionamentos.

A proposta é a seguinte:

Na Proposta o nível superior será exigido   apenas para a graduação de Sargento PM/BM, ou seja, para o militar no caso Cb PM/BM chegar a sargento necessariamente deverá ter concluído o 3º grau.

Vejamos os dois pontos de vistas a favor e contra.

Os que defendem o nível superior somente para Sargento.

Esse grupo tem com principal argumento a negação do governo em pleitear o nível superior para soldado. Eles afirmam que o governo negará a proposta se pedirem o ingresso de curso superior para soldado. Afirmam, que o governo não vai querer por que deixará muitos jovens que pretendem ingressar na corporação fora das fileiras, haja vista que boa parte não tem 3º grau. E que isso seria uma argumentação para que o poder governamental não aprovasse a proposta.

Explicam ainda que com o ingresso de nível superior para os sargentos fará com que o Estado seja obrigado a criar mecanismo para que todos possam ingressar em curso superior.

Dessa forma, haverá uma supervalorização da carreira de sargento para cima, os pobres cabos e sodados continuariam na[...]. Isso faria com que os cabos e soldados pudessem permanecer na Corporação almejando a carreira de Sargento com um excelente salário.

Posicionamento contrário

Para os que pensam que a valorização deve começar pela base(cabos e soldados), se posicionam contrário a proposta.

Primeiramente é uma proposta excludente em detrimento de uma super valorização dos sargentos em diante. As Corporações ao longo das décadas sempre fizeram um processo de segregação das praças. O mundo militar sempre girou em torno do oficialato que recebeu todos os privilégios e garantias ao longo de quase dois séculos.

Em pleno século 21 não se pode simplesmente valorizar uma categoria e deixar as demais a vê navios. Mesmo por que o argumento de que o governo poderá barrar a proposta do nível superior para o soldado, é fora de moda.

É inadmissível que se continuem excluindo aqueles que são a base das corporações.

Se quisermos uma polícia mais justa e igualitárias propostas como essa é no mínimo indecente. Não se pode desvalorizar um ciclo em detrimento de outro. Cabos e Soldados têm os mesmos direitos e deveres.

Todos querem um excelente salário e uma valorização para todos. Esse é o princípio da democracia.

Nós enquanto sargento PM nos posicionamos terminantemente contra essa proposta, que não traduz os anseios da categoria. Poderia bater palmas para proposta, pois seria inteiramente valorizado enquanto sargento, porém minha luta não é pessoal e sempre lutei pelo coletivo e continuarei a lutar por uma polícia mais justa e igualitária.

Devemos afastar essas discrepâncias que sempre existiram no meio militar. Privilégios para os patriciados e taca e porrete para os plebeus.

O ingresso para nível superior para os militares devem ser bastante discutidos com a comunidade militar e não apenas um pequeno grupo decidir os rumos de nossas vidas como sempre aconteceu.

Em virtude dessa proposta estaremos colocando uma enquete com a seguinte pergunta.

Essa história que o Estado vai se virá para procurar formar os militares com nível superior, não passa de uma grande ilusão.

Você é a favor ou contra o ingresso de nível superior para sargento? Vote ao lado.

Comentários

  1. Meu pai do céu ! Quem inventou uma coisa dessas ? Curso superior pra ser sargento ? Daqui a pouco irão propor curso na NASA pra ser oficial. Dizem que curso na NASA, o cara corre, nada de costas, de lado e depois sai voando. Pode uma coisa dessa ?

    ResponderExcluir
  2. Sargento, vc pode me explicar por que soldado da PMMA não usa lapa? Fiquei confuso, pq nos outros estados os soldados usam uma lapa com apenas 1 listra!

    ResponderExcluir
  3. Comecamos bem, pela ideia de valorizar o conhecimemto e a instrucao, porem tem q ser pra todos, como exemplo temos o estado de SP que vai formar o SD PM como tecnologo, com nivel superior, caso q devemos analisar pra copiar. Outro ponto q temos pra verifivar e v se volta sao as gratificacoes para cursos como tinhamos no passado, porem agora pensarmos em valorizar o PM com graduacao e pos graduacao como fez o TJ MA e os professores, nao podemos discriminar mais ninguem, principalmente a nossa classe. Ebnilson coloque o resumo ou a entrevista da URV no blog por favor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Companheiro, estou somente aguardando sgt Frota me enviar o documento para publicar, quando ele enviar publico.

      Excluir
  4. como e que o estado do maranhão quer inzijir um nivel superior sem o estado dar condiçoes de trabalho tanto na estrutura como na remuneraçao

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. inzijir - quer dizer - exigir (estabelecer, mandar, ordenar, decretar, demandar...
      Realmente precisamos ao menos aprender a escrever.

      Excluir
    2. SE FOR INZIJIR, NÍVEL SUPERIOR PARA ESTE SUJEITO.!!!!! TÁ MORTO.!!!!!!.

      Excluir
  5. A PMMA precisa de um projeto global q beneficie todas as classes. Um projeto como esse não se distancia muito do q poderíamos chamar de segregação.

    ResponderExcluir
  6. A PMMA precisa de um projeto global q beneficie todas as classes. Um projeto como esse não se distancia muito do q poderíamos chamar de segregação.

    ResponderExcluir
  7. Caro Sargento Ebnilson, antes de mais nada só gostaria de saber uma coisa: o estado vai cumprir a lei de promoções? Porque se não for cumprir, acho que é apenas mais uma proposta sem sentido, atualmente existem muitos soldados com graduação, a meu exemplo que hoje estou terminando uma especialização no mês de março. Porém, se o estado não cumpre a lei de promoções estes soldados que já estariam aptos à promoção a sargentos ficarão "marcando passo", pois precisam ser promovidos a cabo pela hierarquia (tem tempo, mas não são promovidos). Daí teríamos que esperar os cabos ou se graduarem (no mínimo 2,5 anos pelos cursos tecnólogos) ou se aposentarem como cabos PM. Se a proposta for aprovada, é preciso então que promovamos os soldados a cabo PM no tempo certo, pois os que ainda não são graduados teriam tempo suficiente para concluir a graduação.

    O correto é ingressar com o 3º grau completo e ser oficial de carreira, ou seja, só se chega ao oficialato mediante promoção. Algo do tipo: pra ser tenente precisa ter especialização, pra ser major precisa mestrado e pra ser coronel precisa ser doutor (tudo na área de segurança). Mas isto não passaria, pois deixaríamos de ser massa de manobra.

    A alegação de "segregar" é infundada, o sistema infelizmente exclui pela competência de cada um e se vamos usar tal expediente para manter todos alienados, temos que criar melhores argumentos. Afinal, para ser professor universitário hoje, tem que ser no mínimo mestre (pra substituto), o titular tem que ser Doutor. Nenhuma empresa contrata o menos capacitado, nem pra ser gari. Por que o poder público precisa ser diferente? Para termos reserva de mercado? Reserva de votos? A PF cobra nível superior, a PRF idem, Fazenda e todos os outros igualmente.

    Esse argumento de "deixar de fora muitos" soa mais como um medo de perder o lugar ao sol que um argumento técnico. Me parece que é apenas para estimular a alienação da população que deixará de estudar mais cedo para poder investir na carreira pública. Se você exige mais, terá pessoas se empenhando mais e todos sabemos que atualmente ingressar em uma universidade é mais fácil que respirar.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  8. hoje estou feliz, sabe o porquê? TODOS OS PUXA ... E OS DA DUVIDAS..., ESTÃO SE AFASTANDO DO CLÃ (PARTIDOS),
    AGORA VOU TORCER, PARA QUE TODOS OS NÃO CONCURSADOS DA POLICIA MILITAR (OFICIAIS) QUE TEM MAIS DE 15 ANOS SE PUXAQUISMO , VÃO SER EXPULSOS A BEM DO SERVIÇO PUBLICO, RRRRRRR, PREVALECERÁ A VERDADE E HONRA DOS DOS CONCURSADOS .

    ResponderExcluir
  9. Fenando Gabeira: “Embora o declínio seja visível, a força de Sarney no Maranhão também o é”

    ResponderExcluir
  10. Anonymous promove enxurrada de ataques a sites em protesto contra Roseana Sarney
    FONTE:> R7

    ResponderExcluir
  11. A curto prazo não é viável para uma classe q já sofre com a falta de um plano de cargos e carreiras exigir de uma hora pra outra q o curso superior seja critério para ser promovido a sargento. Sabe-se q muitos concursos já exigem nível superior de seus candidatos, o q é um grande avanço. Mas ainda não é o caso da PMMA, onde a porta de entrada para a praça ainda é o ensino médio, uma vez q, não existe concurso para sargento na PM. Certo? Imagine então q mudando as regras no meio do jogo, estaríamos tirando a oportinidade de muitos policiais com 15 e até 20 anos de carreira. A não ser q eu esteja errado e exista um plano de cargos e carreiras também para as praças que não tem curso superior. Do contrário, se isso não é segregação não sei o q é

    ResponderExcluir
  12. Ebnilson isso é uma vergonha tem que ser pra todos principalmente pra Sd por eles são a base não podem aceitar isso.

    ResponderExcluir
  13. Esses sabichões deveriam eram se preocuparem com os nossos direitos que estão sendo negados, exemplo: cadê o hospital Carlos Macieira, cadê o URV, 21,7%. cadê o plano habitacional para militares, cadê os COLETES e as PISTOLAS.40 que estão mofando nos quarteis do interior, cadê os benefícios da GREVE, diárias, carga horaria, insalubridade, aposentadoria aos 25 anos de contribuição. Quanto a essa questão, o que deveriam fazer eram promover todos que tem interstício em suas referidas graduações e postos, e não deixar atrasar mais.

    ResponderExcluir
  14. Isso é apenas mais uma forma de não promover a sgt, os cabos que já tem tempo suficiente para tal promoção. ou seja para concluir o nível superior levaria no minimo mais 3 anos.

    ResponderExcluir
  15. Ebnilson aí eu te pergunto e os cabos que não tem curso superior, como ficam? seriam o resto de sua carreira cabo? Isso é injusto.

    ResponderExcluir
  16. Porque não se coloca como alguns Estados que a praça com ensino superior chega ao oficialato QOA.

    ResponderExcluir
  17. A título de esclarecimento, a proposta defendida por nós, e digo nós por não ser de opinião unicamente minha, que elevaria o nível de escolaridade dos terceiros sargentos para nível superior, tem como finalidade beneficiar todas as graduações e postos, o que me entristece é verificar que, apenas esta proposta colocada maliciosamente como única, pelo Cb Mendes que fazia parte da comissão, e que na verdade faz parte de um projeto muito maior e que engloba todos os postos e graduações (inclusive Sds e o Cbs), está sendo explorado como se fosse a única proposta sugerida pela comissão, e não é.
    Senão vejamos, com a nossa proposta continuaria vigendo os mesmos pré-requisitos de promoção para todos que já eram incorporados antes da vigência da nova lei, portanto esta lei só valeria para os que ingressassem na PM/BM após sua vigência, basta especificar isto em um artigo da própria lei, de forma que o benefício que traria aos sargentos que não tem o terceiros grau (faculdade), seria o de receber os mesmos valores que fosse exigido ao que tinha cursado uma faculdade, assim como ocorreu na Polícia Civil e na Rodovia Federal, já que a o princípio constitucional da igualdade, insculpido no art. 5º , caput, da Constituição Federal , preconiza que, os servidores públicos que ocupam o mesmo cargo, exercendo as mesmas atribuições, cumprindo a mesma jornada de trabalho, devem perceber o mesmo vencimento fixo.
    Assim como o:
    Art. 67 da Lei Complementar nº 46/94 - “Os servidores que ocupam o mesmo cargo, exercendo as mesmas atribuições, cumprindo a mesma jornada de trabalho, devem perceber os mesmos vencimentos.”
    Art. 461 da CLT. – “Sendo idêntica a função, a todo trabalho de igual valor, prestado ao mesmo empregador, na mesma localidade, corresponderá igual salário, sem distinção de sexo, nacionalidade ou idade."

    Desta forma com a exigência de um salário melhor para os sargentos, automaticamente teriam que ser revistos para melhor os salários de todos o outros postos e graduações acima de sargentos.
    No mas, de nada adianta tentarmos colocar uma proposta para o governo repudiar novamente, com já fez outras vezes, no caso de elevar o nível superior para o soldado, o governo alega que sendo a base em maior número elevaria por demais os gastos com a folha de pagamento, além de tirar a oportunidade de muitos candidatos com segundo grau de se inserirem no mercado de trabalho, ou seja, este argumento não é meu, e sim do governo que irá, ou não, aprovar a nossa proposta.
    Não podemos trabalhar com ideias retrogradas e atrasadas se quisermos nos valorizar, tenho certeza que o soldado e o cabo não querem permanecer nestas graduações a vida toda.
    Reafirmo que as proposta na Lei promocional não findam ai, temos no bojo da proposta integral, diversas outras que beneficiarão o soldado, o cabo e todas as outras graduações.

    Sgt/PM Aquino

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para ser um bom policial não há necessidade de curso superior, há muitos policiais com o ensino fundamental que mais profissionais do que os com curso superior. Essa proposta é apenas para beneficiar poucos, pois o Estado não nos dar condições de trabalho, imagina condições para cursarmos um 3º grau. Como fica um cabo que trabalha em uma cidade pequena, distante dos grandes centros.

      Excluir
  18. Se essa proposta obrigar o governo a da um curso superior para todos aqueles que ainda não tem, é valida.

    ResponderExcluir
  19. Sou a favor do nivel superior desde o ingresso para soldado.

    ResponderExcluir
  20. SDPMMA
    SOU a favor do curso SUPERIOR para sgt, mas para o civil q vai ingressar na pmma, via concurso público é claro ou seja concurso direto para sargento, e desde q não prejudiquem os demais q já estão na pmma, E q garantam a promoção dos demais q estão a ANOS na fila de espera, E outra coisa Q TAMBÉM PAGUEM O SALARIO CORRESPONDENTE DE NUM MINIMO UM AGENTE DA POLICIA CIVIL OU DELEGADO, SE É PRA ELEVAR O PADRÃO VAMOS TAMBÉM ELEVAR O SALARIO OK, E GARANTIAS PARA OS DEMAIS Q NÃO TEM CURSO SUPERIOR, PODER CURSAR O MESMO OK, FORA DISSO NÃO HÁ JUSTIÇA É SO BALELA E ENROLAÇÃO!

    ResponderExcluir
  21. e um processo evolutivo da instituição que deve ser estudado muito. Tem que se analisar nível de instrução dos que ainda faltam ser promovidos pois não e justo o policial dar o sangue pela instituição por "décadas" e não ser promovido por quando chegar seu momento não ter nível superior pois quando ingressou não exigia nem mesmo o fundamental e devido uma carga absurda de serviço não ter podido continuar os estudos ou era policia ou estudava era a regra hj é fácil ja se entra num cfsd concorrendo vaga de nível medio mas ja traz na bagagem um diploma ou mesmo mas da metade de um curso mas o respeito pelos antigos? deve-se sim ser uma exigencia quem sabe mas que seja um criterio a ser adotado apenas para quem ingressou nos utimos cinco anos ai sim seria interessante. MAS SERIA MAIS INTERESSANTE AINDA SENTAR E CRIAR PROJETOS QUE ACIMA DE TUDO PRIORIZE O POLICIAL MILITAR: COMO POR EXEMPLO SEGUIR A RISCA O INTERSTÍCIO PARA QUE O NOSSO PLANO DE CARGOS SEJA OBEDECIDO A RISCA SEM ESSE NEGOCIO DE VAGA OU NAO, TAMBEM A REFORMA QUE O POLICIAL CONTRIBUA SEUS TRINTA ANOS E SAIA DE CABEÇA ERGUIDA COM O QUE E SEU DE DIREITO SEM PERDAS, TANTA COISA PRA SE PENSAR PRA SER JUSTO VEM PIORAR A SITUAÇÃO. PAREM PRA PENSAR NAQUELE POLICIAL QUE ESTA SOZINHO EM UM DESTACAMENTO SEM ACESSO ESQUECIDO SERA SE ELE PODE VIR ATE A CIDADE DEPOIS DE VINTE E TANTOS ANOS DE SERVIÇO PRA ESTUDAR PRA SER PROMOVIDO E QUANDO FOR REFORMAR MUITAS DAS VEZES NEM MESMO PODER LEVAR ESSA VANTAGEM. PENSEM NISSO!!!!! OBRIGADO EBNILSON PELA OPORTUNIDADA

    ResponderExcluir
  22. A Resolução desses problemas é fácil...não se precisa criar nada, basta copiar os estatutos das instituições civis, ao exemplo da policia civil e penitenciários...da forma seguinte: acabar com essa história de vagas para cabo...sargento e tal...acontecendo as promoções em caráter automático para quem já cumpriu seu intertício nos posto ou na patente.quanto à forma de promoção do cabo para 3 sargento, sou favorável, como vista à uma forma de valorização do profissional, contudo, que seja da seguinte forma:
    Os efeitos sejam apenas desde a criação da lei para os futuros...que a criação de tal lei não interfira nos servidores militares antes dela.ao exemplo, os policiais militares já investidos nas suas funções antes da lei não serão por ela prejudicados; já os que ingressaram do inicio da criação da lei pra diante deveram possuir na sua época de promoção para terceiro sargento o nível superior.Também , que isso seja abonado em plano de cargos carreiras e vencimentos com acréscimos de percentual previsto em razão de possuir nível superior...isso sim é valorização profissional

    ResponderExcluir

Postar um comentário

O espaço de comentários do nosso blog pode tem moderação.
Não serão aceitas mensagens:

01 - Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
02 - Que contenham conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
03 - Que contenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
04 - Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
05 - De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
06 - Que caracterizem prática de spam;
07 - Anônimas ou assinadas com e-mail falso;
08 - Fora do contexto da matéria;
09 - Só poderão comentar usuários que possua conta no Google

Blog do Ebnilson agradece a compreenção de todos

Postagens mais visitadas deste blog

3º Companhia Independente da PMMA( Amarante): Conclusão das primeiras turmas do PROERD em Sítio Novo no Maranhão

INTOLERÂNCIA MILITAR

2º Reunião da Comissão do governo com os militares: Principais Deliberações