Deputados repercutem falecimento do sargento Lima Filho

Plenário da Assembléia Legislativa

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Arnaldo Melo (PMDB), ao registrar na sessão desta segunda-feira, 07, o falecimento do sargento Lima Filho, ocorrido na madrugada do último sábado em um confronto com os policiais da Ronda Ostensiva Tático Móvel (ROTAM), disse que a Casa deu total assistência aos familiares e também está atuando juntamente com o Comando da Polícia Militar para que o fato seja esclarecido.
 
Ele também determinou à Mesa Diretora que faça uma Moção de Pesar em nome da Casa para toda a família enlutada do sargento Lima Filho. “A Assembleia Legislativa deu todo apoio e toda assistência à família nesse momento difícil. O nosso oficialato está atuando juntamente com o Comando da Polícia Militar para que seja esclarecido o fato e que seja feita a justiça que o caso exige”, disse Arnaldo Melo ao prestar solidariedade aos familiares.

Em pronunciamentos feitos da tribuna, os deputados Eliziane Gama (PPS), Othelino Neto (PCdoB), Zé Carlos (PT) e Bira do Pindaré (PSB), ao se solidarizarem com os familiares do sargento Lima, exigiram que seja feita uma investigação para saber o que de fato aconteceu pois, segundo eles, o caso não está bem explicado.

“Não posso dizer se foi ou não troca de tiros, porque as informações são totalmente contraditórias. Agora, uma coisa é certa: nós temos mais um militar morto e agora não foi em troca de tiros com bandidos. O militar foi morto com tiros desferidos por militares do Estado do Maranhão”, destacou Eliziane Gama, frisando que esta situação merece investigação por parte da Polícia Militar, “porque é polícia matando polícia”.

 Othelino Neto disse que o caso merece ser apurado com rigor para saber o que de fato ocorreu. Ele também afirmou que a entrevista do comandante da PM, coronel Zanone, não foi convincente. “Por que um policial experiente iria fazer um enfrentamento com colegas policiais, da mesma corporação, a ponto de levar tiros e morrer no local? Então, é preciso realmente que se explique o que aconteceu; não é possível que se coloque uma pedra sobre o assunto”, questionou o deputado.

Ao lamentar a morte do sargento Lima Filho, o deputado Zé Carlos disse que o caso precisa ser tratado com prudência e que se aguardassem as apurações para saber de fato o que aconteceu. “Eu creio que nesse incidente precisamos ter um pouco de prudência”.
ira do Pindaré comunicou que na próxima quarta-feira a Comissão de Direitos Humanos da Assembleia irá receber, às 8h30, os familiares do sargento Lima Filho. Os membros da comissão também querem ouvir os policiais que estiveram envolvidos na operação.

“É uma situação inusitada e que precisa ser devidamente esclarecida, porque é um acontecimento extremo o fato de policiais se envolverem num confronto dessa forma, a ponto de levar uma das pessoas a óbito”, afirmou o deputado, manifestando solidariedade aos familiares, aos amigos e companheiros do sargento Lima Filho.

Comentários

  1. Lembrem-se do Cb. Sodré segurança do Dp. Cutrim na Assembleia, que morreu em circunstâncias semelhantes.

    ResponderExcluir
  2. É muito facil tercer comentarios sem estar presente na cena do ocorrido, em nenhum momento os deputados falaram nem se solidarizaram com as familias dos pm que poderiam ter morrido em pleno exercicio da profissão, pois os mesmos estão em estado de choque com o q ocorreu por nunca ter imaginado que um colega de farda efetuassem tiros contra a guarnição.....

    ResponderExcluir
  3. As informações até o momento podem até ser contraditórias mais o que explica um policial atirar em toda uma equipe de profissionais a qual ele próprio como defensor da ordem devia contribuir e zelar....

    ResponderExcluir
  4. Plenário aprova projeto que garante benefícios à Polícia Militar do Maranhão

    09/07/2014 14:20:16 - Agência Assembleia

    ResponderExcluir
  5. realmente o caso do nosso amigo faz-nos lembrar do ocorrido com o cabo sodré

    ResponderExcluir
  6. Em momento Algum o Pm se identificou quando foi dado pedido de parada á ele, logo em seguida partiu dele os tiros que deram inicio a perseguição, quem em boa consciência iria perceber que dali se tratava de um Pm paisano, a algo de errado sim mais com o sgt onde deve ser investigado os locais onde ele estava antes da ocorrência pois o mesmo devia estar muito louco para fazer uma coisa dessas. E digo mais uma das coisas que mais Policia recém formado tem medo é de pegar em merda e tenho certeza que eles estão respaldados nessa situação, á pericia irá comprovar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. facil julgar e falar besteiras qndo nao e na sua familia

      Excluir
  7. Cara uma guarnição composta por 4 pms despreparado e sem experiência nem uma sem ter nem um policial mais antigo ou um graduado com eles saíram de um curso de menos de 6 messes e foram jogados no grupo especial da polícia só podia da merda pois um cara portando um revólver calibre 38 independente de ser policial ou não, não teria a mínima condição de matar todos eles que estavam todos de pistola e de fuzil procedimento totalmente errado, por que não atiraram nos pneus do carro ao invés de acabarem com o carro e não satisfeitos deram 7 tiros no cara esse é que é o procedimento coreto agora o cara morreu e foi ele que começou tudo

    ResponderExcluir

Postar um comentário

O espaço de comentários do nosso blog pode tem moderação.
Não serão aceitas mensagens:

01 - Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
02 - Que contenham conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
03 - Que contenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
04 - Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
05 - De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
06 - Que caracterizem prática de spam;
07 - Anônimas ou assinadas com e-mail falso;
08 - Fora do contexto da matéria;
09 - Só poderão comentar usuários que possua conta no Google

Blog do Ebnilson agradece a compreenção de todos

Postagens mais visitadas deste blog

3º Companhia Independente da PMMA( Amarante): Conclusão das primeiras turmas do PROERD em Sítio Novo no Maranhão

INTOLERÂNCIA MILITAR

2º Reunião da Comissão do governo com os militares: Principais Deliberações