Resumo da reunião Com o Secretário de Segurança

 Na reunião com as entidades militares muitas foram as cobranças principalmente com relação ao código de ética que foi o único item do acordo, excetuado o reajuste, que foi concluído. 

O código foi bastante rechaçado pelas entidades, o que mais se solicitou foi uma revisão no mesmo, e que voltasse a Mesa Paritária para os reajuste finais. Todavia de acordo com o Secretário, Aluísio Mendes, o Código de Ética encontra-se na Assembléia Legislativa e falou que agora dependerá do parlamento estadual. O secretário alegou que o código foi bastante debatido entre as entidades, apesar de que não foi entre os militares. 

Participamos de quase todas as Mesas Paritárias e vejo que faltou habilidade dos paritários para conduzirem esse processo do Código de Ética, primeiramente houveram algumas discussões mais somente no âmbito interno das entidades. Não houve uma grande discursão das associações com relação ao Código proposto pelo governo de forma geral entre os militares, esse foi um dos primeiros erros. Segundo, o código de ética proposto pelas entidades não prevaleceu, ficando somente o do governo. Terceiro, as entidades tiveram várias reuniões na Mesa Paritária com replicas e treplicas inclusive com algumas delas com a presença jurídica da ASSEPMMA para reavaliar o código, e as alterações foram feitas. 

Resumindo, o Código de Ética está na Assembléia e o que se tem agora é tenta fazer as devidas alterações no próprio parlamento, o Secretário foi bem categórico que não voltará mais para a Mesa Paritária, por que pela parte administrativa está concluído. 

Sobre a Lei de Promoção e Jornada de trabalho, permaneceu do mesmo jeito sem nenhum avanço. 

Foi tratado da LOB dos Bombeiros e da Lei de alteração da LOB da PMMA, segundo o Secretário, devido as questões orçamentárias a LOB do Corpo de Bombeiros só vingará no próximo ano a partir de janeiro, disse Aluísio Mendes. 

Com relação a Lei que altera a LOB da PMMA, já está pronta e com uma boa noticia para as praças. Esse projeto é aquele mesmo polemico que anda causando um descontentamento para alguns. No projeto prevê que o tempo máximo do Coronel PM será 5 anos e não mais os 8 como está na lei atualmente, esse projeto estava beneficiando somente os oficias. O oficial que chegasse aos 30 anos poderia através de requerimento entrar para reserva com um posto a mais. Só que a lei deixava de fora as praças que estão também na mesma situação. 

Todavia com a sensibilidade do Secretário e do Comando da PMMA, houve alteração no projeto original que passará também a ser incluída nesta lei as praças e os oficiais QOA e QOE isso é muito significativo para a categoria. 

A praça e os oficiais QOA, QOE que completar os 30 anos de serviço poderá pedir via requerimento sua aposentadoria e dessa forma o militar ficará aguardando em casa, sendo que só irá para reserva quando o mesmo for promovido numa graduação ou posto a mais. Vale ressaltar que a promoção acontecerá antes da reserva e o militar aguardará em casa. Com isso os militares poderão ir para reservar sem, contudo atrapalhar os demais que esperam subir na carreira. 

Após a aprovação da lei as longas filas das promoções poderão diminuir, mesmo por que aqueles que já passaram dos 30 anos poderão ir para casa tranquilo e ganhando sua promoção. É um ponto bastante positivo e um avanço na legislação para as praças. 

A promoção por bravura foi bastante criticada pelo Secretário no qual afirmou que uma nova legislação com novos critérios devera ser implantada para as promoções de bravura. Que inclusive nos novos critérios deverá antes de qualquer coisa passar pelo crivo da PGE(Procuradoria Geral do Estado), assim as velhas “bravuras” estão com seus dias contados, vai ser promovido realmente quem tiver o mérito. 

Também teve outro ponto que achamos de interesse para todos: Internação dos Militares da Ativa em hospitais. 

O Secretário pedi para avisar a todos os militares da Ativa que com relação as internações de militares doentes estará garantida em qualquer hospital do Estado. Pediu a todos que possam entrar em contato imediatamente com seu comandante ou com o Comandante Geral para viabiliza a internação, isso independente do local em todo o Estado, disse se for preciso usará até as aeronaves para fazer o deslocamento. 

Por tanto caros companheiros, qualquer situação que você precise de internação procure rápido os meios legais, isso o Secretário disse que garante. Caso alguém tenha dificuldade de contato acione este blog que faremos o contato imediato com as autoridades.

 Bem, isso foram os principais pontos discutidos de interesse da comunidade militar. Claro, que isso não foi tudo mais pelo menos as entidades retornaram para a Mesa de Negociação novamente. Mais uma coisa podemos vê que houve muitas cobranças por parte das associações. 

Houve uma flexibilidade por parte do Comandante Geral da PMMA, que foi solicitado novamente pelas entidades o canal de negociação com o Comando, isso foi acertado e acreditamos que o Cel. Franklin Pacheco receberá novamente as associações para as questões internas, mesmo por que as demandas são gigantescas entre os militares, isso foi muito positivo e agradecemos ao comandante pela abertura do canal de dialogo com as entidades. 

Encerraremos com uma frase dita pelo cb J.Junior “ Vamos caminhar juntos”, esse foi o sentimento que todos absorveram.

Comentários

  1. Companheiro, essa LOB da PMMA tem data para aprovação? O Séc disse em que pé está isso aí?

    ResponderExcluir
  2. ATENDIMENTO EM HOSPITAL PÚBLICO TODOS TEM ESSE DIREITO OU SERÁ QUE ATÉ ISSO OS MILITARES NÃO TINHAM E NÃO SABÍAMOS. QUANTO A GARANTIR UM TRATAMENTO DIFERENCIADO SE FOR EM HOSPITAL PÚBLICO TÁ DIFÍCIL. DO JEITO EM QUE SE ENCONTRAR A SAÚDE PÚBLICA NO MARANHÃO, EM BOM OS POLICIAIS E FAZENDO SUAS RESERVA ECONÔMICA, SE PRECISAR E QUISER VIVER.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. COMO MEU AMIGO ANONIMO FAZ RESERVA COM ESTE SALARIO NOSSO BRICADEIRA NEM?
      KKKKK

      Excluir
    2. Verdade. Os representantes dos militares têm de ser inteligentes e claros no pleito.

      Excluir
  3. sabe no que vai dar essa reuninião Srs. em nada isso e só balela, pois no ano que vem tem politica, passada esta politica ai a chibata volta com toda força.pode esperar.

    ResponderExcluir
  4. ENTAO NAO VAI MAIS TER CAMINHADA NO DIA 11 DE JULHO E ISSO SGT EBNILSON.E Q REAJUSTE FOI ESSE Q FOI CONCLUIDO EXPLICA AI POR FAVOR

    ResponderExcluir
  5. RESUMINDO, OS PRAÇAS SE FFFFFFF!!!!!!!

    OS PRAÇAS FIZERAM UMA GREVE PARA AUMENTAR SALÁRIO DE OFICIAL, E AGORA VAI FICAR MELHOR AINDA PARA OS OFICIAIS, A FILA VAI ANDAR PARA OS OFICIAIS PQ DIMINUI O INTERSTÍSCIO DE 08 ANOS PARA 05 ANOS, QUANDO UM TC FOR PARA REFORMA VAI LEVAR MAIS UM POSTO.

    DO OUTRO LADO OS PRAÇAS OS PRAÇAS Q TRABALHARAM 30 ANOS NA PMMA Q SE APOSENTARAM COM O PROVENTO DE SGT VÃO TER Q VOLTA A TRABALHAR PARA NÃO RECEBER O PROVENTO DE CB.
    É MUITA PERSEGUIÇÃO, FIZEMOS UMA GREVE PARA AUMENTAR SALÁRIO DE OFICIAL.

    ResponderExcluir
  6. Ninguém comentou sobre uma possível convocação de mais candidatos para a PMMA?

    ResponderExcluir
  7. Na verdade, a proposta de Regulamento Disciplinar da Polícia Militar do Marahão, apresentada pelo Secretário, nunca foi debatida nem com a classe, nem com seus represnetantes. Marcavam-se reuniões e adiavam-nas ou as cancelavam sem o menor respeitos com os representante que se deslocavam do interior do Estado para a Capital com fito de reunirem-se para os debates. A única oportunidade, em uma das poucas reuniões que aconteceram, com no máximo 40 minutos, em que foi aberto a oportunidade à banca de advogados da ASSEPMMA para que em 30 dias apresentassem um parecer sobre a propostas e esse paracer, quando apresentado, discordou da propostas quase que completamente, mas o governo nuca replicou esse parecer e, agora, apresentou a sua proposta, acredito eu, na forma inicial.

    O Secretário, que é um brincante, nas poucas reuniões que aconteceram, ao se falar sobre algum pornto em que os reprsnetantes discordavam, simplemente dizai que auqle ponto não seria mudado. Ou seja, nunca houve paridade na Comissão paritária, nem para debater sobre o Código de Ética, que, em tese, será uma mudança que tem carater permanente.

    Não participei dessa reunião, mas possa dizer-lhes qual o comportamento do Secretário, pois nas muitas reuniões ue particpei o tom dele sempre foi o mesmo, com ameças diretas para aqueles que estão do lado da classe e prometendo mundos e fundos aos pelegos para sairem espalhando por aí as mil maravilhas prometidas pelo santo secretário.

    Antes de chegarmos ao ponto de paralisaramos em 2011, passamos por um logo processo de enrrolação desse secretário e do seu antecessor, que perdurou do inío de 2009 ao final de 2011. Se formos aguentar mais alguns anos de enrrolação, fiquem satisfeitos com essas promessas infundadas; do contrário, FAÇAMOS ALGUMA COISA URGENTE!

    ResponderExcluir
  8. ninguem fala de salario e escala de serviços ai não???

    ResponderExcluir
  9. Ao Jaymy Amorim, a questão do concurso foi tratado sim, estou fazendo uma matéria completa, mais já adianto a situação é preocupante.

    Quanto a LOB da PM, a PM já tem uma LOB, o que vai acontecer são algumas mudanças do dispositivo legal, não foi dado data , mais é certo a mudança.

    Questão salarial, essa só o reajuste mesmo do acordo, sobre as escalas permanece na mesma, enquanto o concurso não for realizado e os futuros soldados não incorporarem a situação vai ficar como está.

    Falaram ainda de um possível aumento da compra da folga no próximo ano, mais isso é só mais uma esperança.

    Sobre a manifestação do dia 11 está mantida sim.

    ResponderExcluir
  10. Então quer dizer que, a greve foi só uma perda de tempo. Meus amigos sobre o reajuste, me descupem mais foi o mais patético que ja houve na face da terra. Foi muito abaixo do índice que já perdemos a muito tempo, oficial não participou e a fatia foi muito boa, é só rever o valor da primeira parcela e ter noção de como fomos prejudicado. sobre nossa saúde é brincadeira a proposta aceita por vocês. gente nós confiamos nessa assepma, e vocês quase nada até agora consegui em pról da classe policial.

    ResponderExcluir
  11. Nobre associação tivemos a coragem de fazer uma greve,e não estaõ tendo coragem pra dizer um não nessas propostas, saúde é dever do estado dá aõ cidadão, vcs estão nos representando. os nossos salários estão abaixo da média, estou decepcionado agora o q penso na perda de tempo na quela greve que não resultou em quase nada. mostramos que agora somos fraco.

    ResponderExcluir
  12. Não adianta essa promessa vazia, isso tudo é só enrolação se tudo isso que foi prometido já estivesse na assembléia na pauta do dia para ser votado neste ano, eu ainda ia ter uma fé! Mas não tem nada ainda, duvido que o governo agora vá pagar hospital pra PM, é só golpe...

    ResponderExcluir
  13. tou achando muito engodo nisso

    ResponderExcluir
  14. E no caso de um policial precisar de advogado p responder bronca quando estava de serviço, com funciona a ajuda para esse policial.

    ResponderExcluir
  15. Companheiros, essa reunião foi porque vai ter essa paralização dia onze, essa é mais uma medida para engana os besta.

    ResponderExcluir
  16. essa profissão é maudisuada.

    ResponderExcluir
  17. nossa paralização valeu sim, e se nos estamos apanhando ate hoje é porque não paramos antes, não teríamos mudado nada se não tivéssemos parado. ou voces acham que a policia civil parou somente uma vez? temos é que continuar lutando por nos mesmos porque ninguém fará isso por nos, esquecam os oficiais. se tivermos que fazer as frentes para esses fracos, assim faremos, mas vam os a luta.

    ResponderExcluir
  18. Todo mundo sabe que o babões da secretaria monitoram esses blogs...pois então prepara aí... Sr. Secretário pq tá chegando as eleições e a tropa esta ciente da resposta que vamos dar nas urnas... Fora..........Clã S........... .

    ResponderExcluir
  19. E quanto ao aumento de salário....nada.
    Tudo o que vem sendo discutido são assuntos secundários - Perda de tempo. O principal que deve ser discutindo é o aumento de salário. Enquanto isso o tempo vai passando e a nossa defasagem salarial aumentando.

    ResponderExcluir
  20. o maior problema dos governantes e nao valorizar seus trabalhadores somos nos que os elevamos e nao sabemos dar a resposta para esses maus politicos nas urnas esta e melhor maneira de protestar sem prejudicar ninguem em especial no caso de uma possivel greve quem mais saira prejudicada com certeza e a populaçao.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

O espaço de comentários do nosso blog pode tem moderação.
Não serão aceitas mensagens:

01 - Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
02 - Que contenham conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
03 - Que contenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
04 - Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
05 - De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
06 - Que caracterizem prática de spam;
07 - Anônimas ou assinadas com e-mail falso;
08 - Fora do contexto da matéria;
09 - Só poderão comentar usuários que possua conta no Google

Blog do Ebnilson agradece a compreenção de todos

Postagens mais visitadas deste blog

3º Companhia Independente da PMMA( Amarante): Conclusão das primeiras turmas do PROERD em Sítio Novo no Maranhão

2º Reunião da Comissão do governo com os militares: Principais Deliberações

INTOLERÂNCIA MILITAR