Lavo minhas mãos: Tentei, mais o individualismo prevaleceu


Caros amigos, irmãos militares, excedentes, sub judice e simpatizantes deste blog. Tentamos todas as maneiras para uma coalizão entre as lideranças militares que pretendem concorrer aos cargos eletivos das eleições 2014.

Todos sabem que há uma necessidade enorme de elegermos o nosso representante a uma vaga na Assembléia Legislativa, a exemplos dos demais Estados brasileiros que possuem seus representantes militares.

O blog fez uma pesquisa de opinião para sabermos o que pensava os militares sobre a questão política. A enquete tinha um valor era meramente opinativo. Verificou-se que o plebiscito era a única maneira para se democratizar a escolha dos candidatos para as eleições 2014, a grande maioria optaram pelo plebiscito. Também nas redes dos whatsapp,s foi maciçamente favorável que os militares pudessem escolher os representantes.

Fizemos uma reunião no dia 06/06(sexta-feira) com vários pré-candidatos e representantes de algumas associações em São Luís. Foram convidados 41 uma pessoas entre os pré-candidatos e lideranças militares, todavia apareceram 18. Várias foram as desculpas da ausência, outros nem sequer avisaram que faltariam, deixando o sentimento coletivo de lado.

A proposta da reunião seria fazer com que o sentimento coletivo prevalecesse coisa que não aconteceu. 

Notou-se que independente de qualquer coisa as candidaturas estavam solidificadas e que basicamente não haveria recuo por parte de alguns.

Os pré-candidatos presentes até concordaram com o plebiscito, porém disseram que não haveria mais tempo, propomos que houvesse uma grande Asssembléia Geral em todo o Estado simultaneamente para que os militares escolhessem os representantes, já que não haveria tempo para o plebiscito segundo alguns, mais infelizmente fizeram ouvido de mercador. Resultou que a reunião terminou sem nenhuma decisão.

No dia 09/06 (segunda-feira) houve uma reunião com algumas associações na capital maranhense, por lá também se debateram as eleições 2014. Encontrava os pré-candidatos Sgt Ebnilson, Sd e Vereador Cândido e Sgt Oliveira. Novamente nenhuma decisão fora tomada, as associações disseram que os pré-candidato chegassem ao um consenso para se posicionarem a respeito.

Sempre defendemos que houvesse uma escolha pelos militares dos representantes aos cargos eletivos. Nos perguntaram se abriríamos mão de nossa pré-campanha em detrimento de uma coletividade, afirmamos e reiteramos que abdicaríamos em prol da coletividade, infelizmente nas reuniões fomos o único a se posicionar por essa via.

Chegamos no mês das convenções e o retrato é um só. Cerca de mais de dez militares disputarão as eleições para o cargo de deputado estadual, por conta própria e sem escolha dos militares, isso é fato e não há como se mudar essa triste realidade.

Com isso o projeto coletivo foi parar em Bagdar, jogaram no lixo a única oportunidade dos militares escolherem os seus  representantes. Nós não tivemos força para mudar essa realidade, por que nossa voz foi vencida por projetos pessoas e individuais. Claro que é um direito de todos se candidatarem, mais se queremos representar uma classe ou uma categoria, temos que nos abster de nossos desejos pessoais e individuais.

Talvez alguém pode dizer, como que você está falando se você é parte envolvida e pretende concorrer? Sim, isso é verdade, contudo em todas as minhas falas e por onde passo sempre disse que o projeto coletivo está acima de qualquer projeto pessoal. Aceitaria e acataria a decisão da maioria dos militares na escolha dos representantes.

Fica realmente complicado se falar enquanto pré-candidato, mais alguém tinha que dizer alguma coisa. Aqui não estou querendo dizer que sou a voz da verdade absoluta, mas penso tão somente nos projetos coletivos, o que passar disso é engodo.

Não houve empenho das lideranças de organizarem, articularem e programarem um plebiscito, Assembleia Geral ou alguma coisa nesse sentido. Os pré- candidatos não abriram mão, como disse fui basicamente o único que declarou abertamente uma abdicação em prol de um nome de consenso das lideranças e dos militares.

Confesso a todos, que o projeto coletivo foi-se embora, o individualismos prevaleceu novamente e a tropa será a única penalizada pelo egoísmo e vaidades de alguns. 

Dessa vez tenho que tirar o chapéu para o companheiro Sd Widevandes, que no grupo humanização da tropa no facebook, fez um prognóstico dessa situação, que traduz tudo aquilo que falamos. Temos nossas indiferenças no campo das ideias, porém estamos falando a mesma língua quando o assunto é coletividade. Vejamos. 



Widevandes Sousa Araujo

12 de junho às 09:38

Se, em Assembleia Legítima, a classe não escolher um só candidato a Deputado Estadual e outro a Deputado Federal, solicito aos companheiros que me façam o favor de não me pedirem apoio ou voto e, também, que não me peçam para me manifestar sobre os candidatos. Pois, se os candidatos não forem escolhidos pela classe, em Assembleia verdadeira, não considero que alguém possa se apresentar como candidato nosso.

Assim, se os pretensos candidatos quiserem realmente trabalhar pela classe, que busquem a definição de um só nome para que a nossa união seja fortalecida, esquecendo o individualismo e as picuinhas. Mas, se os candidatos tiverem compromisso apenas com suas pretensões particulares, cada um puxando a brasa para seu espeto, que a classe saiba abster-se de votarem para eles e mostrem que eles não são nossos representantes, inclusive que isto sejas expressado por todos para que não sejamos enfraquecidos mais ainda.
Todavia, se houver uma Assembleia verdadeira, com um grande número de presente de todas as Regiões, independente do candidato que for escolhido, vou trabalhar dia e noite na campanha fazendo o melhor que for a mim for possível.
Por fim, diante da necessidade extrema de termos representante na Assembleia Legislativa e na Câmara Federal, convido aos companheiros que reflitam sobre a eleição de Deputados e promovam o debate para que possamos escolher um só nome e execrar os vermes que só querem tirar proveito das nossas condições.(https://www.facebook.com)

Diante disso tudo, Só nos restou uma saída, continuarmos com nossa pré-campanha, haja vista que não haverá consenso e nem escolha de um nome. Sendo assim seja o que Deus quiser.

O blog lamenta como o egoísmo superabunda no nosso meio, lavo minhas mãos, pois tentei de tudo para que se chegassem ao um entendimento, no entanto os projetos pessoais venceram novamente.

Comentários

  1. Sendo assim amigos continuaremos puxando carroça .Parabéns aos candidatos militares pela péssima escolha! a desunião.individualismo e eu,eu e eu. (CB Aurelio 5ª CI)

    ResponderExcluir
  2. Essa desunião vem confirmar que continuaremos sem representantes e garanto aos senhores candidatos que, os comandantes da PM, do CBM e ainda a governadora estão sorrindo, aliás GARGALHANDO de todos nós praças - desse jeito merecemos continuar a ser chamados de tropa. Foi Maquiavel quem disse "DIVIDIR PARA CONQUISTAR" ... e assim continuaremos dominados e só nos resta aproveitar o momento e torcer pela seleção brasileira na ilusão das massas a copa do mundo ! Pavão Junior é Sgt BM, Historiador, Pesquisador e Psicanalista.

    ResponderExcluir
  3. amigos acredito que em alguns casos se encaixe absolutamente apenas interesses pessoais e não haverá nenhum compromisso com a PM ou o CBM concordo quando o amigo afirmou! os cmt´s gerais e até mesmo esta que se diz governadora riem de nós porque é isto que eles querem é esta desunião da classe ora em tempos de greve todos dão as mãos e cantam juntos e etc e tal mas na hora h todos se pisoteiam como animais cade o companheirismo? deixo claro que se não houver um concenso NEM EU NEM MINHA FAMILIA ASSIM COMO DE CENTENAS DE MILITARES E EXCEDENTES E SUB JUDICES NÃO VOTAREMOS EM VOCES E UM DIA DEIXAREMOS DE ACREDITAR EM UM REPRESENTANTE POLITICO MILITAR e o governo vai continuar nos pisando e nos usando como escravos sem direitos e sem liberdade!

    ResponderExcluir
  4. BELEZA -UNIDOS SOMOS FORTES??? QUE UNIÃO???? SORRIA ROSEANA, A PM LASCOU-SE DE NOVO, OUTRA VEZ, NOVAMENTE!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

O espaço de comentários do nosso blog pode tem moderação.
Não serão aceitas mensagens:

01 - Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
02 - Que contenham conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
03 - Que contenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
04 - Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
05 - De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
06 - Que caracterizem prática de spam;
07 - Anônimas ou assinadas com e-mail falso;
08 - Fora do contexto da matéria;
09 - Só poderão comentar usuários que possua conta no Google

Blog do Ebnilson agradece a compreenção de todos

Postagens mais visitadas deste blog

3º Companhia Independente da PMMA( Amarante): Conclusão das primeiras turmas do PROERD em Sítio Novo no Maranhão

2º Reunião da Comissão do governo com os militares: Principais Deliberações

INTOLERÂNCIA MILITAR