São Luís é a 27ª cidade mais violenta do mundo, diz ONG


São Luís é uma cidade violenta? Caso sim, chega a ser a 27ª mais violenta do mundo e a sexta do Brasil?

Para uma pesquisa feita por especialistas da ONG mexicana “Conselho Cidadão Para a Segurança”, a capital maranhense estrela esta alta posição no ranking de violência, onde figuram 50 cidades de todo o mundo.

Na lista divulgada pela ONG, feita com base na quantidade de homicídios em cidades pelo mundo com mais de 300 mil habitantes, 14 cidades brasileiras figuram a lista. Entre as 14, São Luís é a sexta mais violenta, ficando abaixo de Belém (PA) e Salvador (BA), e acima de Recife (PE) e Fortaleza (CE).

Entre as três mais perigosas da lista, a cidade de Maceió ficou com o terceiro lugar, logo abaixo de San Pedro Sula, em Honduras e Juárez, no México. Além da cidade alagoana e da já citada capital maranhense, figuram a lista, também, outras 12 cidades brasileiras, como Belém (10ª), Vitória (17ª), Salvador (22ª), Manaus (26ª), João Pessoa (29ª), Cuiabá (31ª), Recife (32ª), Macapá (36ª), Fortaleza (37ª), Curitiba (39ª), Goiânia (40ª) e Belo Horizonte (45ª).

Mapa da Violência 2013

De acordo com o Mapa da Violência 2013: Homicídios e Juventude no Brasil, divulgado em julho deste ano, organizado pelo sociólogo Julio Jacobo Waiselfisz, juntamente com o Centro Brasileiro de Estudos Latino-Americanos (Cebela), entre 2010 e 2011, foram registrados 1.753 mortes no Maranhão, um crescimento de 17,4% em relação a 2010 e de 193,5% em comparação a 2001, número este que colocou o Estado como o sexto maior número de homicídios entre as nove unidades do Nordeste.

Sobre São Luís, o número de homicídios na capital se manteve em um ano (em 2010 e 2011, foram registrados 569 mortes), mas cresceu 133,2% se comparado a 2001. Na taxa por capital (homicídio a cada 100 mil habitantes), São Luís apresentou uma queda de 56,1 para 55,4, mas não foi suficiente para impedir que a cidade fosse apontada como a quinta mais violenta do Nordeste e a sétima do Brasil, de acordo com esta pesquisa.
Fonte: Imirante

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

3º Companhia Independente da PMMA( Amarante): Conclusão das primeiras turmas do PROERD em Sítio Novo no Maranhão

INTOLERÂNCIA MILITAR

2º Reunião da Comissão do governo com os militares: Principais Deliberações