quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Saguão da AL, equipes de TV e Rádio entrevistam os presidentes de entidades   Foto: Louremar Fernandes
 O saguão da Assembléia Legislativa amanheceu cheio de Policiais Militares e Bombeiros. São representantes das entidades de classe de todo o Estado que aguardam um posicionamento dos deputados estaduais sobre as reivindicações da categoria.

As negociações começaram no mês de maio. Os Militares reuniram por diversas vezes com a Comissão de Segurança da Assembléia. Em algumas vezes esteve presente o secretário de segurança, Aluizio Mendes.

No dia 8 de novembro, os representantes das categorias resolveram paralisar as atividades em todo o Estado. Nas primeiras horas da manhã, uma comissão presidida pelo deputado Arnaldo Melo, Presidente da Assembléia, e composta por vários deputados, entre eles o líder do governo Manoel Ribeiro, negociou com os Militares.

Ficou acertado que os Militares suspenderiam o movimento. Os deputados pediram para serem, a partir daquele momento, os interlocutores entre a categoria e o Governo. Foi marcado a data de hoje para que sejam oferecidas respostas às reinvidações dos Militares por melhores salários e condições mais dignas de trabalho.

O Soldado Prisco, presidente da Associação Nacional das Praças – ANASPRA – chegou na noite de ontem, convidado pelo comando do movimento. A poucos instantes ele esteve no estúdio da TV Assembléia onde concedeu uma entrevista ao lado do deputado Bira do Pindaré (PT).

Na entrevista o Soldado Prisco lamentou que o Governo não tenha negociado com os Militares. Afirmou que sempre foi pedido paciência e tempo, mas não foi apresentada resposta às reivindicações.

O deputado Bira do Pindaré, na entrevista ao vivo afirmou: “Quero crer que algum líder vai colocar a mão na consciência. Nós temos que apostar que até o último segundo o Governo vai apresentar uma proposta para os Militares”.

Militares contestam afirmação do Governo de que recebem o 7º melhor salário do país


Militares reunidos com a Comissão de Segurança da AL  Foto: Raciell Olivas
 Do: blog do John Cutrim

Os policiais militares refutam a versão do governo do Estado de que o PM do Maranhão recebe o sétimo salário no ranking nacional. Segundo eles, esta é uma análise feita pelo subsídio. “As gratificações que não incorporam (adicional noturno e insalubridade os quais os policiais militares maranhenses não recebem) forma o 14º salário entre os estados”, afirmam.

Os militares reivindicam reposição das perdas salariais de 2009 a 2011; 30% mais TR (inflação acumulada do ano anterior) em cada ano de 2012 a 2015 previsto no PPA (Plano Plurianual); cumprimento do escalonamento transitado e julgado na 4ª Entrância da vara de Fazenda.

As perdas salariais dos militares

Quanto ao escalonamento, levando em consideração sua implantação (que não foi cumprida) e mais as reposições da inflação, o tenente-coronel está perdendo no seu salário R$ 3.399,00; Major R$ 3.280,00; Capitão R$ 2.821,00; 1º Tenente R$ 3.854,00; 2º Tenente R$ 3.670,00; Aspirante a Oficial R$ 3.135,00; Alunos R$ 2.264,00; Subtenente R$ 3.281,00; 1º Sargento R$ 2.890,00; 2º Sargento R$ 2.520,00; 3º Sargento 2.051,00; Cabo R$ 1239,00 e Soldado R$ 950,00.

Fonte: Blog do Louremar

21 comentários:

  1. Senhores, agora não vamos retroceder, temos que avançar, isso é digno do ser humano lutar por seus direitos, esta na Constituição Federal, isso nasce e morre com o ser humano, não vamos deixar esse governo atrapalhar nossas reivindicações. Temos que lutar de braços dados, temos que saber que, daqui a alguns anos, vamos ser lembrados como heróis de verdade, e não como capachos do governo ou de coronéis. Senhores, sabemos que em quarteis estão cheios de "babões" de Comandantes que se penduram num regime arcaico, mas na realidade esses babões, fazem isso pra tentar tirar proveito de algo, sabendo eles que Comandantes não ficam muito tempo no poder, na minha companhia ta cheio disso, os caras não lutam por um ideal, e sim pro promoções.....Pasmem!

    ResponderExcluir
  2. Roseana não viaja e permanece no Palácio para acompanhar paralisação dos militares.

    Não confere a informação de que a governadora Roseana Sarney saiu do Estado para não acompanhar a iminente greve dos policiais militares e bombeiros, que deve ocorrer nas primeiras de amanhã, quinta-feira (24).

    Ao contrário do que foi informado hoje na Assembleia, por volta de 10h45 o titular do blog viu a governadora Roseana Sarney e seu marido, Jorge Murad, dentro da Pajero do casal, adentrando ao Palácio dos Leões, acompanhado de duas Hilux da equipe de Segurança.

    E permanecem até agora na Residência Oficial do Governo. Roseana certamente continuará no Estado para acompanhar o desenrolar da greve dos militares. Melhor para o Vice-Governador Washington Luiz, que não corre o risco de ser desmoralizado novamente.

    Uma Assembleia Geral dos militares será realizada hoje às 19h na Federação dos Trabalhadores da Indústria do Estado do Maranhão (Fetiema), na Praça da Bíblia, onde o movimento paredista decidirá, em conjunto com os militares, se haverá ou não a paralisação.

    ResponderExcluir
  3. Abenilson o comandante geral acaba de decretar prontidão a partir das 15h de hoje 23/11/11, vc poderia passar alguma informação do que foi dito nas uniões de hoje, desde já muito obrigado por tudo.

    ResponderExcluir
  4. SENHORES DAS ASSOCIAÇÕES, A PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR!!!
    CADÊ O PRESIDENTE DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO MARANHÃO???
    CADÊ O LIDER DO GOVERNO, O NOBRE DEPUTADO MANOEL RIBEIRO??? OS QUAIS IRIAM ESTAR DO LADO DA PM, CASO O GOVERNO NÃO ATENDESSE AS REIVIDICAÇÕS DA PM E BM!
    TODOS CAPACHOS DE ROSEANA E NÓS AINDA ACREDITAMOS! BRINCADEIRA, MAIS AMANHA MOSTRAREMOS NOSSA FORÇA E UNIÃO, PARALIZAÇÃO JÁ1 NÃO PODEMOS RECUAR, SENÃO NUNCA MAIS SEREMOS RESPEITADO!

    UNIDOS SOMOS FORTES

    ResponderExcluir
  5. A que ponto chegamos neste país, neste Estado do Maranhão. Absurdamente ainda existem gestores na administração pública que não sabem distinguir discricionariedade de arbitrariedade, nem tampouco que sua conduta só pode ser pautada nos princípios e regras esculpidas na Constituição Federal e normas infraconstitucionais que não disponham contrariamente à Carta Magna.
    Ontem, por volta das 18h00, dois tenentes da Polícia Militar do Maranhão, o 1º Ten. QOPM Paulo Henrique Spíndola Silva e o 1º Ten. QOPM João Holanda Santos, servidores públicos concursados e devidamente lotados no 11º BPM, que fica em Timon – MA, foram transferidos para os Municípios de Estreito (12ºBPM) e Açailandia (5ª CI), tudo por que no dia 08 de novembro de 2011, estes dois servidores apresentaram-se à paisana para cumprir expediente administrativo, em decorrência do fato de que há 05 (cinco) anos não recebem o fardamento a que tem direito liquido e certo conforme art. 69 da Lei 6513, de 30 de novembro de 1995 (Estatuto dos Policiais Militares do Estado do Maranhão).
    A Portaria nº 1067/2011, de 22 de novembro de 2011, de autoria do Comandante Geral da Policia Militar do Maranhão, transfere os dois militares “por inconveniência da permanência” pelo fato de terem apresentado-se a paisana na unidade para cumprir expediente administrativo, quando tal conduta não configura nada mais que o exercício regular de um direito – ou acaso querem que os policiais militares também comprem as fardas e os armamentos que utilizam no policiamento ostensivo? Além de constituir um absurdo do ponto de vista da moralidade, o ato administrativo que movimentou os dois oficiais está completamente eivado de ilegalidade e sem qualquer motivação.
    Onde esta o Ministério Público Estadual ou o Ministério Público Federal? O Militar não tem cidadania, não têm direitos? Pode a qualquer momento ser jogado de um lado para o outro ao mero arbítrio de um gestor através de um ato completamente ilegal? Que estado democrático é este que desrespeita o constitucional direito a ampla defesa e contraditório? Cadê o devido processo legal administrativo? Desde quando uma instrução provisória que não é lei (instrução provisória nº 001/95) mas mero ato administrativo pode estabelecer critérios para movimentação de servidores públicos concursados? Desde quando movimentação de servidores pode ser utilizada como sanção, e ainda por cima, sem obediência a qualquer formalidade?
    Basta! Policiais Militares de todo o estado do Maranhão, vamos aproveitar a oportunidade para nos unir neste dia 24 de novembro de 2011, e dar um basta ao abuso de poder, um basta as transferências como retaliação que há anos vem ocorrendo, sem qualquer fundamentação legal, um basta a arbitrariedade! Hoje são estes dois tenentes, amanha será você! Não temos o direito de exercer nossos direitos neste estado? No dia 24 de novembro vamos mostrar que os militares também têm direitos neste país, neste estado e em suas cidades.
    Fica de plano convocado o Ministério Publico do Estado do Maranhão, cuja função é essencial à Justiça, a tomar ciência das barbáries que há anos vem ocorrendo no âmbito da Polícia Militar e defender aqueles que estão tendo seus interesses e direitos indisponíveis.

    Vamos dar um exemplo de civilidade e cidadania no dia 24 de novembro! Não podemos arrefecer. (Policial Militar)

    VAMOS DEIXAR OS TENENTES SÓS? SEREMOS CORVADES? AMANHA MOSTRAREMOS NOSSA FORÇA!!

    UNIDOS SOMOS FORTES!!

    ResponderExcluir
  6. Roseana não viaja e permanece no Palácio para acompanhar paralisação dos militares
    Publicado em 23 de novembro de 2011 por John Cutrim

    Não confere a informação de que a governadora Roseana Sarney saiu do Estado para não acompanhar a iminente greve dos policiais militares e bombeiros, que deve ocorrer nas primeiras de amanhã, quinta-feira (24).

    Ao contrário do que foi informado hoje na Assembleia, por volta de 10h45 o titular do blog viu a governadora Roseana Sarney e seu marido, Jorge Murad, dentro da Pajero do casal, adentrando ao Palácio dos Leões, acompanhado de duas Hilux da equipe de Segurança.

    E permanecem até agora na Residência Oficial do Governo. Roseana certamente continuará no Estado para acompanhar o desenrolar da greve dos militares. Melhor para o Vice-Governador Washington Luiz, que não corre o risco de ser desmoralizado novamente.

    Uma Assembleia Geral dos militares será realizada hoje às 19h na Federação dos Trabalhadores da Indústria do Estado do Maranhão (Fetiema), na Praça da Bíblia, onde o movimento paredista decidirá, em conjunto com os militares, se haverá ou não a paralisação.

    ResponderExcluir
  7. “Vamos dar um basta ao abuso de poder e as retaliações”, convocam Policiais
    Publicado em 23 de novembro de 2011 por John Cutrim

    A que ponto chegamos neste país, neste Estado do Maranhão. Absurdamente ainda existem gestores na administração pública que não sabem distinguir discricionariedade de arbitrariedade, nem tampouco que sua conduta só pode ser pautada nos princípios e regras esculpidas na Constituição Federal e normas infraconstitucionais que não disponham contrariamente à Carta Magna.

    Ontem, por volta das 18h00, dois tenentes da Polícia Militar do Maranhão, o 1º Ten. QOPM Paulo Henrique Spíndola Silva e o 1º Ten. QOPM João Holanda Santos, servidores públicos concursados e devidamente lotados no 11º BPM, que fica em Timon – MA, foram transferidos para os Municípios de Estreito (12ºBPM) e Açailandia (5ª CI), tudo por que no dia 08 de novembro de 2011, estes dois servidores apresentaram-se à paisana para cumprir expediente administrativo, em decorrência do fato de que há 05 (cinco) anos não recebem o fardamento a que tem direito liquido e certo conforme art. 69 da Lei 6513, de 30 de novembro de 1995 (Estatuto dos Policiais Militares do Estado do Maranhão).

    A Portaria nº 1067/2011, de 22 de novembro de 2011, de autoria do Comandante Geral da Policia Militar do Maranhão, transfere os dois militares “por inconveniência da permanência” pelo fato de terem apresentado-se a paisana na unidade para cumprir expediente administrativo, quando tal conduta não configura nada mais que o exercício regular de um direito – ou acaso querem que os policiais militares também comprem as fardas e os armamentos que utilizam no policiamento ostensivo? Além de constituir um absurdo do ponto de vista da moralidade, o ato administrativo que movimentou os dois oficiais está completamente eivado de ilegalidade e sem qualquer motivação.

    Onde esta o Ministério Público Estadual ou o Ministério Público Federal? O Militar não tem cidadania, não têm direitos? Pode a qualquer momento ser jogado de um lado para o outro ao mero arbítrio de um gestor através de um ato completamente ilegal? Que estado democrático é este que desrespeita o constitucional direito a ampla defesa e contraditório? Cadê o devido processo legal administrativo? Desde quando uma instrução provisória que não é lei (instrução provisória nº 001/95) mas mero ato administrativo pode estabelecer critérios para movimentação de servidores públicos concursados? Desde quando movimentação de servidores pode ser utilizada como sanção, e ainda por cima, sem obediência a qualquer formalidade?

    Basta! Policiais Militares de todo o estado do Maranhão, vamos aproveitar a oportunidade para nos unir neste dia 24 de novembro de 2011, e dar um basta ao abuso de poder, um basta as transferências como retaliação que há anos vem ocorrendo, sem qualquer fundamentação legal, um basta a arbitrariedade! Hoje são estes dois tenentes, amanha será você! Não temos o direito de exercer nossos direitos neste estado? No dia 24 de novembro vamos mostrar que os militares também têm direitos neste país, neste estado e em suas cidades.

    Fica de plano convocado o Ministério Publico do Estado do Maranhão, cuja função é essencial à Justiça, a tomar ciência das barbáries que há anos vem ocorrendo no âmbito da Polícia Militar e defender aqueles que estão tendo seus interesses e direitos indisponíveis.

    Vamos dar um exemplo de civilidade e cidadania no dia 24 de novembro! Não podemos arrefecer. (Policial Militar)

    Nota: Este blog continua à disposição dos policiais militares e bombeiros. Quem quiser se manifestar ou desejar mandar informações pode continuar entrando em contato através dos e-mails: johncutrim@hotmail.com e johncutrim@jornalpequeno.com.br ou pelo telefone (98) 8811-9540.

    ResponderExcluir
  8. Fechar
    ← Posts mais antigos
    Bancada do MA acata proposta de Dutra para mediar conflito entre policiais
    Publicado em 23 de novembro de 2011 por John Cutrim

    A bancada federal do Maranhão no Congresso Nacional acatou proposta apresentada pelo deputado federal Domingos Dutra (PT) para contribuir nas negociações dos policiais do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar e delegados da Polícia Civil.

    Imagem meramente ilustrativa

    Dutra justificou a sua proposta – acatada por unanimidade – devido à gravidade da situação no sistema de segurança pública estadual e o risco de confronto entre os policiais do Corpo de Bombeiros e da PM com os soldados da Força Nacional do Exército Brasileiro, solicitado pela governadora Roseana Sarney para tentar reprimir o movimento.

    “Apesar de eu fazer oposição histórica ao grupo Sarney, tenho contribuído na bancada federal do Maranhão no Congresso Nacional na defesa dos interesses da população, pois a bancada é um espaço suprapartidário, e não pode ser nem governo, nem oposição, mas um espaço para propor e defender projetos que interessam ao povo maranhense”, afirmou Domingos Dutra.

    Os parlamentares maranhenses decidiram realizar uma reunião na próxima segunda-feira, pela manhã (9 horas) em São Luís, com o comando da greve dos delegados e representantes dos movimentos reivindicatórios dos policiais do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar.

    Dutra já entrou em contato com alguns oficiais da PM e Corpo de Bombeiros, iniciando o diálogo no sentido de evitar o confronto com a Força Nacional. A reunião da Bancada Federal do Maranhão, que serviu para discutir proposta de emendas ao Orçamento Geral da União (OGU) de 2012 e para o Plano Plurianual (PPA) de 2012, aprovou inclusive uma emenda do deputado Domingos Dutra e do deputado Lourival Mendes (PTdoB) para assegurar recursos do orçamento da União para investir em políticas de segurança pública do Maranhão.

    ResponderExcluir
  9. A senhora que ocupa o Palácio dos Leões como se fosse a residência particular dela acha que tá enganando quem?

    ResponderExcluir
  10. O governo dessa senhora é um governo sem credibilidade! O governo dela, como ela mesma diz não né? Não o governo dela com os que a ajudaram a se reeleger. Quando ela diz: "o meu governo" está excluindo todos aqueles que a ajudaram, com os seus votos, a reelegê-la. Isto é típico de ditadores. Se ela fosse realmente democrática, se o governo dessa senhora fosse realmente democrático, ela diria: " o nosso governo" que seria o governo dela juntamente com aqueles que a ajudaram a se reeleger. Mas agora que ela tá no poder novamente ela fala igualmente uma ditadora.

    ResponderExcluir
  11. que ponto chegamos neste país, neste Estado do Maranhão. Absurdamente ainda existem gestores na administração pública que não sabem distinguir discricionariedade de arbitrariedade, nem tampouco que sua conduta só pode ser pautada nos princípios e regras esculpidas na Constituição Federal e normas infraconstitucionais que não disponham contrariamente à Carta Magna.
    Ontem, por volta das 18h00, dois tenentes da Polícia Militar do Maranhão, o 1º Ten. QOPM Paulo Henrique Spíndola Silva e o 1º Ten. QOPM João Holanda Santos, servidores públicos concursados e devidamente lotados no 11º BPM, que fica em Timon – MA, foram transferidos para os Municípios de Estreito (12ºBPM) e Açailandia (5ª CI), tudo por que no dia 08 de novembro de 2011, estes dois servidores apresentaram-se à paisana para cumprir expediente administrativo, em decorrência do fato de que há 05 (cinco) anos não recebem o fardamento a que tem direito liquido e certo conforme art. 69 da Lei 6513, de 30 de novembro de 1995 (Estatuto dos Policiais Militares do Estado do Maranhão).
    A Portaria nº 1067/2011, de 22 de novembro de 2011, de autoria do Comandante Geral da Policia Militar do Maranhão, transfere os dois militares “por inconveniência da permanência” pelo fato de terem apresentado-se a paisana na unidade para cumprir expediente administrativo, quando tal conduta não configura nada mais que o exercício regular de um direito – ou acaso querem que os policiais militares também comprem as fardas e os armamentos que utilizam no policiamento ostensivo? Além de constituir um absurdo do ponto de vista da moralidade, o ato administrativo que movimentou os dois oficiais está completamente eivado de ilegalidade e sem qualquer motivação.
    Onde esta o Ministério Público Estadual ou o Ministério Público Federal? O Militar não tem cidadania, não têm direitos? Pode a qualquer momento ser jogado de um lado para o outro ao mero arbítrio de um gestor através de um ato completamente ilegal? Que estado democrático é este que desrespeita o constitucional direito a ampla defesa e contraditório? Cadê o devido processo legal administrativo? Desde quando uma instrução provisória que não é lei (instrução provisória nº 001/95) mas mero ato administrativo pode estabelecer critérios para movimentação de servidores públicos concursados? Desde quando movimentação de servidores pode ser utilizada como sanção, e ainda por cima, sem obediência a qualquer formalidade?
    Basta! Policiais Militares de todo o estado do Maranhão, vamos aproveitar a oportunidade para nos unir neste dia 24 de novembro de 2011, e dar um basta ao abuso de poder, um basta as transferências como retaliação que há anos vem ocorrendo, sem qualquer fundamentação legal, um basta a arbitrariedade! Hoje são estes dois tenentes, amanha será você! Não temos o direito de exercer nossos direitos neste estado? No dia 24 de novembro vamos mostrar que os militares também têm direitos neste país, neste estado e em suas cidades.
    Fica de plano convocado o Ministério Publico do Estado do Maranhão, cuja função é essencial à Justiça, a tomar ciência das barbáries que há anos vem ocorrendo no âmbito da Polícia Militar e defender aqueles que estão tendo seus interesses e direitos indisponíveis.

    Vamos dar um exemplo de civilidade e cidadania no dia 24 de novembro! Não podemos arrefecer. (Policial Militar)

    VAMOS DEIXAR OS TENENTES SÓS? SEREMOS CORVADES? AMANHA MOSTRAREMOS NOSSA FORÇA!!

    UNIDOS SOMOS FORTES!!

    ResponderExcluir
  12. Evangelho (Lucas 21,12-19)
    Presos e perseguidos por causa do Reino
    Quarta-Feira, 23 de Novembro de 2011

    — O Senhor esteja convosco.
    — Ele está no meio de nós.
    — Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + segundo Lucas.
    — Glória a vós, Senhor.

    Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 12“Antes que estas coisas aconteçam, sereis presos e perseguidos; sereis entregues às sinagogas e postos na prisão; sereis levados diante de reis e governadores por causa do meu nome. 13Esta será a ocasião em que testemunhareis a vossa fé. 14Fazei o firme propósito de não planejar com antecedência a própria defesa; 15porque eu vos darei palavras tão acertadas, que nenhum dos inimigos vos poderá resistir ou rebater. 16Sereis entregues até mesmo pelos próprios pais, irmãos, parentes e amigos. E eles matarão alguns de vós. 17Todos vos odiarão por causa do meu nome. 18Mas vós não perdereis um só fio de cabelo da vossa cabeça. 19É permanecendo firmes que ireis ganhar a vida!

    - Palavra da Salvação.
    - Glória a vós, Senhor.

    ResponderExcluir
  13. O Governo não mandou nada para nós, estamos nesse momento na assembléia legislativa e não tem nada.

    ResponderExcluir
  14. configura esse horario do blog. para nao deixar duvidas sobre as informaçoes e horarios.

    ResponderExcluir
  15. Ebnilson aqui em Caxias o movimento esfriou, quem estava na frente (De Lima) já não fala mais quase nada, estamos sem representatividade, foram prometidos advogados p nos acompanhar e até nada.

    ResponderExcluir
  16. E OS GATOS PINGADOS QUE FORAM FICAR DE PRONTIDAO NO QG, JANTARAM, UM PEDAÇO DE PAO E UM COPO DE REFRIGERANTE,K JANTA hEIN? OS QUE CONSEGUIRAM POIS EXISTEM MUITOS COM FOME LÁ PQ FICARAM COM NOJO, DE COMO ERA MANUSEADO A JANTA.(COM AS MAOS MESMO SEM NENHUMA HIGIENE, SEM LUVA, Q PORCARIA).KADÊ DINHEIRO PRA COMPRAR COMIDA DESCENTE, NAO SE PREPARARAM? SE A VIGILANCIA SANITARIA PRESENCIASSE ISSO...
    AH!ESQUECI, É QUE ESSE GOVERNO TA PAGANDO AQUELE COMECIAL MENTIROSO.LEI DO CAO EXTINTA, VALE MERENDA 150% ANHO QUE VOU TER Q APRENDER ESSA NOVA FORMULA DE CALCULAR PERCENTEGEM.KKKKKKKKKKKKKKK. ASSINA: MERI

    ResponderExcluir
  17. DE TIMON:

    DEP. MANUEL RIBEIRO TRAIDOR DA PM ,MENTIROSO E CAPACHO DA FAMILIA SARNEY.

    ResponderExcluir
  18. DE TIMON

    DEP. ALEXANDRE ALMEIDA SUA OMISSÃO COM A PM E BM SERÁ LEMBRADA NAS URNAS, AGUARDE.

    ResponderExcluir
  19. Ebnilson configura liberando os comentarios automaticamente tipo. alfa sapo papa ovo mike.

    ResponderExcluir
  20. paulo ernesto leite silva24 de novembro de 2011 19:10

    valorizar os policiais civis,militares e bombeiros militares do estado não significa nada para os cofres do governo do maranhão. Este estado tem o menor efetivo do Brasil, e por isso tem capacidade de remunerá-los dignamente, possibilitando a paz e a continuidade dos excelentes trabalhos realizados de forma integrada, que nenhum estado tem no brasil. Um estado seguro atrai investimentos e consequentemente aumento de arrecadação ao estado. Estes profissionais também apoiam e fazem importantes fiscalizações de estado. Porquê não pagar, alguém ganha com isso?

    ResponderExcluir

O espaço de comentários do nosso blog pode tem moderação.
Não serão aceitas mensagens:

01 - Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
02 - Que contenham conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
03 - Que contenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
04 - Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
05 - De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
06 - Que caracterizem prática de spam;
07 - Anônimas ou assinadas com e-mail falso;
08 - Fora do contexto da matéria;
09 - Só poderão comentar usuários que possua conta no Google

Blog do Ebnilson agradece a compreenção de todos