quinta-feira, 20 de março de 2014

Lideranças Unidas

Na tarde de ontem (19/03), as Associações militares de todo o Estado estiveram reunidas na sede da Associação dos Inativos na capital maranhense para deliberarem sobre as diretrizes que seriam tomadas frente à decisão do governo.

Os policiais militares e bombeiros do Maranhão aguardavam uma resposta do governo, todavia a decisão ficou para hoje (20/03) no Comando Geral.

O Cel. Zanoni, Comandante Geral da PMMA, convocou todas as entidades para anunciar o resultado do governo nesta manhã as 10h00min no QCG(Quartel do Comando Geral) em São Luís.

Horas antes, as entidades reuniram-se para montar estratégias da Assembléia Geral de hoje e os rumos da categoria conforme a resposta do executivo.

Estiveram presentes: ASSEPMMA(Associção dos Servidores Públicos do Maranhão), Cb Mendes e Cb Mendonça; Associação dos Bombeiros da capital, Sgt Jean Marry; Associação dos bombeiros do Sul do Maranhão, Cb R.Barros; Associação de Chapadinha, Cb Magno; Associação de Itapecuru, Cb Marcio; Associação de Bacabal, Sd F.Gomes; Associação de Timon, Sd Leite; Associação de Barra do Corda, Sgt Eliezio e Sgt Nazareno; Associação de Caxias, Cb D.Lima; Associação de S.José de Ribamar, Sgt Frazão;  Associação de Imperatriz, Cb Junior; Associação de Pindaré-Mirim, Cb Edivaldo; Vereador de Barra do Corda Sd Coelho, representantes da União dos Militares Independente(UMI), Sd Joyllon e Sd Gomes e Associação das esposas e familiares, Josylene e Sd Clesivaldo e o anfitrião e presidente da Associação dos Inativos.

A reunião começou com a tradicional lavagem de roupa suja, foi pelo menos 3 horas batidas de farpas entre as lideranças, mais em fim chegou-se a um consenso que foi a união de todos sem pensar nas diferenças individuais.

Uma das pautas debatidas foi à anistia do Cabo Campos e Soldado Leite, haja vista que os dois estarão respondendo Conselho de Disciplina.

Todas as entidades concordaram em negociar a pauta junto ao Comando da PMMA para que haja um perdão frente aos militares. O vereador Sd Coelho, foi escolhido para intermediar junto ao Comandante Geral uma possível anistia para os militares.

 O dia de hoje promete e as expectativas são enormes. O blog irá acompanhar toda essa movimentação.
 









7 comentários:

  1. Acredito muito nesse tipo de atitude, os policiais da PMMA, organizados em associação, não aconselho ninguém a desconsiderar, desprezar, esse tipo de organização e seus objetivos, pois seus trabalhos e atitudes é a verdadeira força dos homens e mulheres que fazem parte da policia militar do maranhão, não estou ainda presente nessa reunião, mas sou coordenador adjunto da AMAIC em Caxias.

    ResponderExcluir
  2. Nós ficamos estarrecidos com tamanha falta de companheirismo porque e como somente os praças lutam por melhorias, principalmente salarias que os maiores beneficiados serão os oficiais, até parece que na PMMA e BMMA só existe praças, os nossos comandantes só observam de longe os pobres irem pra guerra, esperando qualquer ato de indisciplina, ai sim, eles mostram a cara e a caneta.

    ResponderExcluir
  3. A 13ª Cia Ind de Viana, não tinha representante?

    ResponderExcluir
  4. TA EXPLICADO POR QUE OS PMS FORAM PRESOS. ESPERO QUE A ANISTIA NÃO SEJA APENAS O QUE O GOVERNO TENHA A NOS OFERECER...

    ResponderExcluir
  5. Sgt Eliezio AREPOM-BC BARRA DO CORDA21 de março de 2014 22:33

    Caros Companheiro, quero externar com muita força e convicção a vontade das associações de resolver essa situação o mais breve possível, mas precisamos do apoio dos senhores nessa luta que é nossa, e achamos que a principal contribuição nesse momento é a prudência, pois as negociações estão acontecendo mesmo que um pouco lentas estão avançando, suscito a todos os companheiro que deixem seus representante tomarem a frente desse problema que chega a ser delicado nesse momento, nós sabemos que precisamos avançar mais e para isso requer um pouco de tempo, sabemos também que esse tempo está se encurtando a cada dia, sabemos que todos estão ansiosos para ganharmos o máximo, só que precisamos compreender que num processo de negociação as vezes surgem motivos e motivos, nos quais, as vezes nos fazem até recuarmos um pouco, os senhores sabem do que eu estou me referindo, e é preciso que compreendam que nesse momento temos que ter toda habilidade necessária para sabermos que precisamos ao menos levar alguma coisa palpável nessa negociação, onde já podemos contar com a revogação do Art. 22 da lei nº73, que já é um ganho significativo para os policiais que retornaram para o serviço após terem completado seus 30 anos de efetivo serviço, essa lei sendo revogada resgatará tanto os pms que retornaram, como os que ainda estão aguardando essa revogação e consequentemente, abrirá muitas vagas para as promoções vindouras. Estamos em processo de negociação ainda, onde solicitamos a anistia do soldado Leite e Campos, antecipação do aumento salarial e a transformação do reajuste nas funções de 53% em porcentagem junto ao subsidio.
    Sgt Eliézio
    Presidente da AREPOM-BARRA DO CORDA
    Boa noite estamos chegando agora da capital no interior.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei sgt eliezio. Agora tem q se criar uma lei pra expulsar pra reserva os policias q completaram 30 anos. Pq quem lhe disse que eles querem ir pra casa? A revogação dessa lei beneficiou quem? Fala serio vcs foram só passear na ilha do amor. Vcs ñ conseguiram foi nada.

      Excluir
  6. Boa tarde.
    Algumas questões mim incomoda e gostaria de alguém mim respondesse:
    1. Onde estar escrito (LEI; DECRETO; ESTATUTO; PORTARIA) a carga horária da PMMA?
    2. Porque basta um pequeno telefonema do Secretario de Segurança Publica e/ou de um prefeito de um cidade qualquer, solicitar para o Cmt Geral Policiamento para Carnaval, ele logo obedecer e envia PMs de férias de LP sem consultar nenhum ESTATUTO ou AMPARO LEGAL?
    3. Será que a assinatura de um SENADOR DA REPUBLICA representando o governo do Estado, FORMALIZA AS 40horas e ele não coloca em pratica?
    4. Será se a governadora não iria concordar com seu representante?
    5. Será que ela estar fiscalizando a ESCALA DE SERVIÇO?
    Em minha opinião só não foi colocado em pratica às 40 horas de trabalho pela PMMA é porque o Cmt Geral (anterior) não quis, pois ele tinha um amparo legal (ASSINATURA DE UM SENADOR DA REPUBLICA) e não apenas um simples telefonema ou oficio de solicitação.

    ResponderExcluir

O espaço de comentários do nosso blog pode tem moderação.
Não serão aceitas mensagens:

01 - Que violem qualquer norma vigente no Brasil, seja municipal, estadual ou federal;
02 - Que contenham conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade, ou que desrespeite a privacidade alheia;
03 - Que contenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas;
04 - Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica;
05 - De cunho comercial e/ou pertencentes a correntes ou pirâmides de qualquer espécie;
06 - Que caracterizem prática de spam;
07 - Anônimas ou assinadas com e-mail falso;
08 - Fora do contexto da matéria;
09 - Só poderão comentar usuários que possua conta no Google

Blog do Ebnilson agradece a compreenção de todos